300 x 250 Ad Space

Pages

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Como olhar o cenário econômico em 2012

Recomendo esta matéria do Ricardo Botelho aos leitores do meu site.


Como olhar o cenário econômico em 2012

Você pode escolher as lentes: a da crise europeia e americana ou a do mercado brasileiro que mostra sinais claros de vigor. Neste artigo, selecionamos algumas notícias que circularam pela imprensa esta semana, que por serem positivas, nem sempre têm o impacto que merecem. Confira, e faça as suas projeções para o novo ano com mais entusiasmo.

  • A agência de classificação de risco, Standard & Poor's deu voto de confiança à economia brasileira elevando a nota do país de BBB -
    para BBB 2º degrau.


  • A Indústria automobilística quebra mais um recorde em 2011 e
    atinge 3,6 milhões de unidas vendidas.

  • Em setembro, o Brasil registrou a menor taxa de desemprego da história (6%) o que significa que, praticamente, toda a população economicamente ativa ocupa um posto de trabalho, com reflexos importantes no nível de consumo interno.
  • Encontrar salas comerciais em São Paulo para alugar é quase impossível. A taxa de vacância está abaixo dos 7%, índice insuficiente para atender a demanda que continua alta.
  • Quarto maior mercado mundial do setor aéreo, o Brasil vai comprar 700 novas aeronaves com mais de 100 lugares até 2030.
  • A montadora chinesa JAC investe 900 milhões de reais na Bahia para produzir carros a partir de 2014 na faixa dos R$ 40.00,00.
  • A Petrobras vai agregar 600 mil barris até o final de 2012 elevando a produção nacional a 2,2 milhões de barris dia.
  • O lucro da Caixa Economia Federal cresceu 75% até setembro de 2011, algo que se repetiu com todos os grandes bancos brasileiros, em um incrível contraponto à crise que ronda o mercado financeiro nos EUA e Europa.
  • No segmento agrícola, a supersafra de laranja em São Paulo é a maior em 15 anos e a renda agrícola nacional prevista para 2012 é a maior da história do país. E o Brasil acaba de fechar novos acordos para exportar carne suína para a China.
  • Pela primeira vez no Brasil, a taxa de fecundidade registrou índice abaixo de 2%, considerado abaixo da mera reposição, ficando em 1,8%.
  • O dinheiro de brasileiros de alta renda administrado por bancos cresceu em 2011, principalmente, nas regiões norte, centro-oeste, nordeste e no interior de São Paulo. Um sinal de que há mais renda nessas regiões do que havia no passado.

Deve ser por tudo isso, que as empresas brasileiras estão otimistas com relação a 2012. A revista Exame entrevistou 335 empresas com faturamento entre 100 milhões e 210 bilhões de reais ao ano e constatou que:

61% estimam que o PIB crescerá entre 3 e 5%.
35% acreditam que vão crescer acima desse patamar, entre 5 e 10%.
25% esperam ainda mais crescimento, entre 10 e 20%.
15% mais otimistas apostam em uma evolução acima de 20%.

E você? Está olhando para fora ou para dentro da economia nacional?

Feliz 2012!




Atenciosamente,
OLEGÁRIO - ABYARA BRASIL BROKERS S/A
(11) 6577-3878 / (19) 8850-4679
olegario.abyara@bol.com.br
olegario@abyarabrimoveis.com.br

2 comentários:

Charles Fernandes disse...

Essa matéria acima colada é do Ricardo J. Botelho.
Um abraço, isso é plagio meu caro.

EMPREENDIMENTOS disse...

Obrigado pelo comentário. Plágio ou não, somos atualmente o 2º melhor país para se investir em imóveis no mundo, pesquisa feita em New York.

Somos a 6ª Economia mundial e caminhamos para País de 1º Mundo.

Estamos em um ritimo sustentável e crescente.

Postar um comentário